domingo, 15 de janeiro de 2012

Suspiros.



Eu desejo em todo suspiro, longo e dolorido, falar contigo. Mesmo sabendo com toda a minha alma, que não devo. Nem ao menos lembrar-te.


Nenhum comentário:

Mil cartas

Tantas portas eu abri Tentando te encontrar E tantas outras bati Para fingir que te esqueci. Tantas orações eu entoei Não ...